Boa noite, 15 de abril de 2024
PUBLICIDADE

Professor de escola pública do MA ganha medalha de ouro em olimpíada de matemática e está entre 10 melhores do Brasil

Publicado em: 28/03/2024 01:32

O pofessor Rubens Netto ganhou medalha de ouro em olimpíada de matemática e está entre 10 melhores do Brasil — Foto: Arquivo Pessoal

Um professor da rede pública de ensino do Maranhão está entre os 10 medalhistas de ouro da 1ª Olimpíada de Professores de Matemática de Ensino Médio (OPMbr). O resultado foi divulgado nessa quarta-feira (27) pela organização do evento. Apaixonado pela matemática desde jovem, Rubens Lopes Netto, de 40 anos, participou da competição que tinha, ao todo, 600 professores de todo o Brasil.

Como parte do prêmio, o professor terá a oportunidade de fazer um intercâmbio técnico e cultural para conhecer o Centro de Educação para Professores da Unesco (TEC Unesco), na Universidade Normal da China, em Xangai. A cidade chinesa lidera rankings mundiais de ensino da matéria.

 

A cerimônia de premiação aconteceu de forma online e os 10 vencedores foram apresentados por ordem alfabética. Ao g1, o professor falou mais sobre a emoção que sentiu em receber a premiação.

 

"A sensação de ter ficado entre os 10 medalhistas pra mim foi uma sensação incrível. Quando eu fiz a inscrição, fiz para me desafiar. Sempre tive desejo de participar de uma olimpíada. Desde que eu comecei a trabalhar com a OBMEP, sempre foi um sonho. Sempre me imaginava ter sido um aluno participando da olimpíada".

Entre os 10 melhores do Brasil

O processo de avaliação dos professores participantes incluiu três etapas: uma prova, uma apresentação em vídeo ilustrando o trabalho desenvolvido em sala de aula e uma entrevista. O professor conta que não teve como se preparar para a competição, já que essa é a primeira edição da OPMbr. "A gente só foi descobrir como era a prova, no momento da aplicação", disse ele.

Rubens conta que costuma incentivar os alunos a serem 'atletas olímpicos da matemática' — Foto: Arquivo Pessoal

Para Rubens, a ficha ainda não caiu. O professor contou que, durante a apresentação dos premiados, a escola em que ele trabalha organizou um encontro para assistir a live de encerramento, que reuniu entre alunos, professores e familiares.

O professor contou, ainda, o sentimento de gratidão em participar da competição. Para ele, a olimpíada já é um sucesso e serve para incentivar não só a ele, mas a professores de todo país, que, apesar das dificuldades, lutam por uma educação de qualidade, sobretudo, na rede pública de ensino.

"O reconhecimento [da premiação] é a valorização de toda a minha vida como profissional. É uma forma de dizer que valeu à pena tudo que a gente fez até aqui. É um incentivo para prosseguir".

Do Maranhão para a China

 

Icônicas luzes de Xangai se apagarão por duas noites para racionar energia — Foto: Getty Images
 

Prestes a ir para outro lado do mundo em outubro deste ano, Rubens conta que a ansiedade está a mil. O professor está indo para um país que figura sempre entre os de melhor desempenho no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (PISA).

"Estou com muito ânimo para conhecer o sistema educacional de lá, ver o que eles realmente fazem de diferente para poder aplicar aqui […] e voltar para dar uma melhorada na educação matemática do nosso país"

Para que tudo dê certo, o intercâmbio já começa desde já. Rubens contou que os professores medalhistas já estão sendo integrados, através de grupos nas redes sociais e, também, com outros professores da China. Além disso, ele está fazendo um curso de inglês para facilitar a comunicação no país estrangeiro.

E o trabalho não acaba lá. Após a viagem, os professores irão ministrar 50 workshops, a princípio, em 50 cidades para poder disseminar o conteúdo aprendido na China.

 

Fonte: G1 MA


Comentários






Portal Destaque do Maranhão



Copyright © 2024. Todos os direitos reservados.


Desenvolvido por:
c2 tenologia web